Periodontia é o ramo da Odontologia que estuda e trata as patologias associadas aos tecidos de sustentação e proteção dos dentes (gengiva, ligamento periodontal e osso alveolar).

 

As principais doenças que acometem esses tecidos são conhecidas como gengivite e periodontite.  Normalmente são causadas devido ao acúmulo de placa (biofilme bacteriano) e tártaro. As bactérias que compõem a placa e/ou o tártaro liberam toxinas que inflamam a gengiva, causando a gengivite. Se não tratada, a doença progride e pode afetar os tecidos de suporte do dente, causando a periodontite.

 

Em geral, as doenças periodontais não causam dor, porém alguns sintomas estão associados. Dentre eles: mau hálito, perda óssea, mobilidade e perda dos dentes, comprometimento estético (dentes alongados e diastemas), bacteremia (disseminação de bactérias via corrente sanguínea).

 

Estudos recentes têm relacionado a presença de doença periodontal com o agravamento de determinados problemas sistêmicos, como: osteoporose, diabetes, problemas cardíacos, AVE (derrame), nascimentos de bebês prematuros e de baixo peso. Além de ser considerada fator de risco para algumas doenças respiratórias, dentre elas: rinite, sinusite e pneumonia.

 

O tratamento para a gengivite consiste em melhorar os hábitos de higiene bucal, seguindo a recomendação do dentista, para evitar acúmulo de placa nas superfícies dentárias. Já para periodontite, além dos cuidados com a higienização, faz-se necessária a raspagem e o alisamento das superfícies das raízes dos dentes, a fim de eliminar a placa bacteriana e o tártaro.

 

Em alguns casos, quando apenas os instrumentos de raspagem (manuais ou ultrassônicos) não alcançam toda a região comprometida, cirurgias são necessárias para facilitar o acesso.

Curta no Facebook

Últimas Notícias