Implante de dente: O que é, quais são os tipos e onde fazer?

Implante de dente: O que é, quais são os tipos e onde fazer?

O implante de dente é um procedimento muito comum no Brasil e é recomendado para pacientes que perderam um ou mais dentes e desejam substituí-los. Dessa forma, essa técnica pode devolver tanto a autoestima perdida como a vontade de sorrir novamente.

E tudo isso de forma eficiente e duradoura. Esse é um método que, se realizado por um profissional experiente e com materiais de qualidade, pode promover conforto e dentes naturais pelos próximos 15 ou 20 anos.

Mas quais são os outros benefícios de um implante dentário? Como ele funciona e quais são as diferenças para outras técnicas existentes no mercado? Se você quer conhecer um pouco mais sobre o procedimento ou tirar suas dúvidas, veja os tópicos abaixo.

Como é o implante de dente?

O implante dentário é muito procurado, pois até mesmo pessoas que possuem a raiz comprometida podem ser adeptas do tratamento, que é assertivo e costuma ter um alto nível de aprovação.

O método em si consiste na inserção de uma estrutura de titânio que é instalada no interior e deve se fundir ao osso e substituir a raiz. Encaixada nessa peça é posicionada de forma totalmente fixa e confortável uma prótese que simula um dente natural.

Toda essa intervenção deve ser realizada em uma clínica odontológica por um dentista especializado e com experiência para oferecer ao paciente uma cirurgia segura e um bom resultado.

Por que realizar um implante de dente?

Este tratamento representa o que existe de mais moderno para a reposição de um dente perdido. O procedimento, por sinal, vai muito além de apenas recuperar a estética do paciente e devolver o sorriso a ele.

Isso porque a queda de apenas um dente pode se tornar um verdadeiro efeito dominó. Os especialistas explicam que o espaço deixado pela estrutura antiga pode fazer com que o resto da dentição fique desalinhada, gerando grandes problemas para a saúde bucal daquele paciente.

Tipos de implante dentário

Existem diferentes tipos de implantes, que podem variar de acordo com o preço, a quantidade de dentes que serão substituídos e a facilidade de higienização de cada uma das opções.

Implante osseointegrado

Esse tipo de implante é o mais comum e é realizado por meio de uma cirurgia diretamente no maxilar do paciente. Dessa forma, após um período que pode variar de 4 a 6 meses, a osseointegração — que é a integração da peça ao osso— estará completa.

Em um segundo procedimento é retirada a gengiva sobressalente e o dente artificial é inserido, de forma individual ou em grupo. Esse método normalmente pode ser subdividido em duas categorias:

  • Prótese protocolo
  • Prótese overdenture

O primeiro caso condiz com a prótese que é parafusada diretamente nos ossos, garantindo um resultado estável e fixo. Na prótese protocolo são necessários de 4 a 8 implantes, em média, que proporcionam um resultado ainda mais garantido e seguro.

Já a prótese overdenture possui um valor mais acessível, pois é fixada com uma quantidade menor de implantes e é fabricada em resina. Esse tipo de peça é removível e se assemelha à dentadura, mas possui mais estabilidade e retenção.

Quer saber um pouco mais sobre o que são as próteses e quais são seus tipos? Veja o vídeo abaixo:

O que é carga imediata?

Diferente do que mencionado anteriormente, a carga imediata permite ao paciente colocar a prótese logo após a cirurgia do implante de dente. Essa, porém, é uma exceção e que pode existir apenas em alguns casos.

A doutora Ianara Pinho explica que as condições da boca de um paciente devem estar perfeitas para que seja possível realizar a carga imediata e oferecer um resultado final no  mesmo dia em que o implante é instalado.

Mas afinal, quanto custa um implante dentário?

Uma pergunta muito recorrente nos consultórios odontológicos Brasil afora é com relação ao preço desse procedimento. A verdade é que a cirurgia de implante dentário possui preços que podem variar muito.

Isso acontece porque para determinar o valor exato é necessário que um dentista estude todas as variáveis: quantidade de implantes e de dentes que serão colocados, da qualidade do material utilizado, necessidade de enxerto ósseo e da clínica em si.

Por todos esses motivos é importante realizar um implante de dente em um local adequado e que ofereça um grau de qualidade elevado. Assim será possível manter a prótese durante vários anos e ter uma boa autoestima durante esse longo período.

Deixe Uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.