A candidíase oral é uma condição causada pelo fungo Candida albicans, deixando os lados de dentro da boca com lesões esbranquiçadas e doloridas — sintoma comum em doenças da língua e gengiva.

Apesar de se tratar de uma doença que pode afligir qualquer pessoa, é mais vista em bebês, pessoas com sistema imunológico comprometido, idosos que usam dentadura ou medicamentos com corticóide. 

Ficou curioso com essa condição? Neste artigo você verá:

  • quais as causas da candidíase oral;
  • o que pode agravar o surgimento de candidíase oral;
  • principais sintomas do sapinho na boca;
  • como funciona o tratamento da candidíase oral;
  • Quanto tempo leva para a candidíase oral se curar?
  • Como posso prevenir a candidíase oral?
  • quando procurar um dentista.

Quais as causas da candidíase oral?

A candidíase oral, popularmente conhecida por sapinho, pode acontecer por diversos fatores. As causas mais comuns são:

  • sistema imunológico debilitado (por doenças ou medicamentos);
  • uso de antibióticos que podem alterar o equilíbrio natural de microrganismos do nosso corpo.

O fungo é encontrado naturalmente na pele e nas mucosas, sem causar qualquer tipo de problema. No entanto, quando existem alterações na imunidade ou presença de fatores que favoreçam o seu crescimento, é possível que ele se desenvolva mais que o normal, levando ao aparecimento da candidíase.

Como mencionado acima, essa condição pode afetar qualquer pessoa: crianças, idosos e mulheres grávidas, que também têm maior tendência a apresentar a candidíase oral, já que o sistema imune está ligeiramente mais enfraquecido.

O que pode agravar o surgimento de candidíase?

Apesar de ser facilmente diagnosticada e tratada, existem alguns fatores que podem aumentar as chances do surgimento do sapinho na boca. Veja quais são e, se possível, evite-os:

O uso de antibióticos

Alguns antibióticos de largo espectro — os que combatem uma grande variedade de bactérias — podem matar microrganismos saudáveis e acelerar o crescimento do fungo no sistema imunológico.

Maus hábitos alimentares

O consumo excessivo de carboidratos e doces pode aumentar as chances do aparecimento do fungo Candida albicans. Isso acontece porque esses alimentos alteram o pH bucal, tornando o ambiente mais ácido, e pelo excesso de glicose no sangue. 

Por isso, pacientes com diabetes podem apresentar crises rotineiras de candidíase oral.

Principais sintomas do sapinho na boca

Para identificar a candidíase oral é importante entender quais são os sintomas mais comuns quando alguém está nessas condições. Porém, o surgimento de apenas um ou alguns deles é o suficiente para fazer com que uma consulta no dentista seja agendada com urgência para se iniciar o tratamento. Esteja atento em casos de:

  • ardência na região da boca: você precisa prestar atenção, pois esse é um dos principais sintomas;
  • camada esbranquiçada na gengiva, bochechas e língua;
  • sangramentos: se você está com sangramentos injustificáveis, é preciso observar as possíveis causas e marcar um acompanhamento médico;
  • sensação de boca seca: se mesmo após beber um copo de água você fica com a boca seca, atente-se, pois o sapinho pode causar esse sintoma;
  • perda do apetite e paladar: se você está com pouco ou quase nenhum apetite, é preciso ter atenção pois pode ser um sinal da candidíase oral também.

Como funciona o tratamento da candidíase oral?

O tratamento dessa doença deve ser indicado por um profissional especialista, podendo ser clínico geral, dentista ou pediatra, em casos de candidíase bucal infantil. Se a pessoa optar por se automedicar, pode correr riscos de agravar ainda mais o problema. 

Geralmente, é recomendado que se aplique antifúngicos em forma de líquido ou gel na região que apresenta os sintomas que mencionamos acima. Além disso, durante o período, é preciso tomar alguns cuidados extras, como:

  • realizar a escovação dos dentes com uma escova de cerdas macias;
  • não ingerir alimentos gordurosos ou com alto nível de açúcar;
  • evitar dividir os objetos de uso pessoal com outras pessoas.

Em casos mais graves, o médico pode indicar medicações mais fortes que devem ser tomadas de acordo com a orientação.

Quanto tempo leva para a candidíase oral se curar?

O tempo de cura da candidíase oral varia de pessoa para pessoa e depende da gravidade da infecção, do sistema imunológico do indivíduo e do tratamento adotado. Mas, em geral, ao seguir as orientações do seu dentista, o problema pode levar de alguns dias a algumas semanas para se curar completamente. 

Em casos mais graves ou em pessoas com condições subjacentes, o tempo de cura pode ser mais longo e exigir acompanhamento médico regular.

É importante seguir todas as orientações do seu dentista, completando o curso de medicamentos prescritos e adotando as medidas de prevenção para evitar recorrências da infecção. 

Como posso prevenir a candidíase oral?

Para prevenir a candidíase oral, é recomendado, antes de qualquer coisa, manter uma boa higiene bucal, escovando os dentes regularmente e usando fio dental todos os dias, após as refeições. 

Além disso, você deve:

  • evitar o uso excessivo de antibióticos, se possível;
  • limitar a ingestão de alimentos ricos em açúcar, como doces e refrigerantes;
  • controlar doenças subjacentes, como diabetes, também são medidas importantes;
  • evitar compartilhar objetos pessoais, como escovas de dentes;
  • evitar o consumo de cigarros e bebidas alcóolicas.

Mas é importante ressaltar que caso haja fatores de risco, é recomendado procurar orientação médica para um plano de prevenção personalizado.

Quando é necessário procurar um dentista?

Se você chegou até aqui e ainda tem dúvidas de qual o momento certo para procurar um dentista, já anote: assim que os primeiros sintomas surgirem!

Para que o diagnóstico seja de fato certeiro, é preciso agendar uma consulta com os especialistas para a realização de um exame da boca. Só assim é possível verificar a ocorrência e a gravidade da situação. 

É importante que o seu dentista tenha total entendimento de como anda a sua saúde bucal, uma vez que doenças assim podem afetar o funcionamento do seu sistema imunológico. 

Se você gostou deste artigo e quer entender mais sobre os tratamentos que um profissional pode realizar, confira os benefícios de optar por um dentista clínico geral para realizar seus procedimentos e garantir um sorriso livre de problemas!

 


Deixe um comentário

Os melhores dentistas de Águas Claras, Asa Sul e Brasília

Leia Também!

Manchas No Céu da Boca — Quais Problemas Isso Pode Indicar?

Manchas No Céu da Boca — Quais Problemas Isso Pode Indicar?

Manchas no céu da boca podem indicar problemas mais simples como uma afta ou casos mais graves, incluindo câncer. Leia para saber mais!

Dentista Na Asa Sul — Veja Os Diferenciais Da Ianara Pinho

Dentista Na Asa Sul — Veja Os Diferenciais Da Ianara Pinho

Consultório de dentista na Asa Sul? É com a clínica Ianara Pinho! Veja os diferenciais, tecnologias e tratamentos que esse ambiente proporciona a você!

Ronco e Saúde Bucal —Sua Ida Periódica ao Dentista

Ronco e Saúde Bucal —Sua Ida Periódica ao Dentista

Você tem problemas com o ronco durante a noite? Veja só o que isso significa para a sua saúde bucal e como resolver a situação!

Diferenciais da Clínica Ianara Pinho Odontologia

Repouso

Sala de Repouso

Descanso pós-cirúrgico com acompanhamento do especialista.

Cirúrgica

Sala Cirúrgica para Sedação

Centro Cirúrgico Completo e habilitado para sedação inalatória, medicamentosa e endovenosa.

Brinquedoteca

Brinquedoteca

Ambiente preparado para seu filho(a) enquanto você realiza seu tratamento.

Recepção

Recepção Ampla

Recepção ampla com espaço para os adultos e crianças!

all in one

All in one

Oferecemos uma variedade de exames de radiologia sem a necessidade de deslocamento.

consultórios

9 Consultórios

9 consultórios equipados com a melhor tecnologia e mais de 20 profissionais.

Faça a sua Radiologia Odontológica na região de Águas Claras e Asa Sul

Radiologia Integrada

Todo o seu tratamento odontológico em um só lugar, desde a consulta ao exame radiológico.

Diferenciais da Clínica Ianara Pinho Odontologias