Uma dentição que apresente alinhamento perfeito naturalmente é muito raro de se ver. Afinal, praticamente todas as pessoas têm dentes desalinhados, mas, para algumas, esse problema é bem mais sutil, enquanto para outras é muito evidente e traz diversos prejuízos.

Quando os dentes estão desalinhados, eles não se encaixam corretamente, afetando a funcionalidade das arcadas dentárias. Além disso, não podemos esquecer que há os impactos na autoestima, pois a aparência do sorriso fica comprometida e afeta a imagem de um modo geral.

Sendo assim, os desalinhamentos dentários precisam receber tratamento para que não abalem a saúde nem causem insatisfação, e é sobre isso que falaremos neste artigo. Continue lendo para entender melhor o assunto e descobrir como ter um sorriso perfeito e muito mais saudável!

Como os dentes desalinhados afetam a saúde?

Dentes desalinhados abalam a autoestima porque a pessoa fica insatisfeita com o aspecto do seu sorriso. Porém, os impactos negativos vão além da estética e podem provocar desequilíbrio da saúde bucal e também orgânica, reduzindo a qualidade de vida.

Para você entender melhor, veja a seguir quais são os prejuízos que os problemas ortodônticos trazem para quem os desenvolve.

Doenças bucais

Quando os dentes estão desalinhados ou apinhados, fica mais difícil fazer a higienização deles. Há um maior acúmulo de resíduos e a escova não consegue alcançar todas as suas partes, por isso há uma aglomeração de placa bacteriana, que favorece o desenvolvimento de cáries, tártaro e gengivite, por exemplo, além de causar mau hálito.

Mastigação ineficiente

Cada um dos dentes apresenta um papel diferente na mastigação. As arcadas dentárias precisam atuar juntas para que haja o encaixe perfeito da dentição e os alimentos sejam devidamente macerados, mas desalinhamentos impedem isso. Então, os alimentos são deglutidos em partes grandes, podendo causar problemas na digestão e na absorção de nutrientes.

Problemas respiratórios

Sabia que os dentes desalinhados dificultam até mesmo a respiração? Isso acontece, em especial, nos casos mais severos, como de prognatismo e retrognatismo. Há uma tendência de respirar pela boca, favorecendo as inflamações e infecções na garganta, além de haver a redução do fluxo salivar à noite, estimulando o ronco e apneia.

Desgastes dentários

Quando as arcadas superior e inferior se encaixam corretamente, não há sobrecarga na dentição, mas os dentes desalinhados podem sofrer um atrito maior em função dessa má oclusão. Quando isso acontece, existe a tendência de desgastar a parte do esmalte que está em maior contato com o dente oposto.

Distúrbios da ATM

A ATM (articulação temporomandibular) permite realizarmos os movimentos com a boca. Quando há dentes desalinhados, essa movimentação sofre adaptações e, com o passar do tempo, leva à sobrecarga das estruturas provocando desgastes e distúrbios, mais conhecidos como DTM ou DATM.

Quais são os tratamentos para dentes desalinhados?

Você sabia que os dentes desalinhados podem trazer tantos prejuízos assim? É por isso que os dentistas recomendam que essas alterações sejam devidamente tratadas. Felizmente existem diversas opções de procedimentos para isso, e elas atendem tanto casos mais sutis quanto aqueles severos. Confira as principais opções!

Aparelhos ortodônticos

Quando se trata de dentes desalinhados, ou seja, problemas ortodônticos, o principal tratamento que nos vem à mente são os aparelhos. Eles são muito eficientes para todos os casos que não envolvam grandes alterações da estrutura óssea.

Por meio do uso desses dispositivos, além de corrigirmos o posicionamento da dentição, ajustamos a mordida. Ainda trabalhamos os ossos até um certo limite, pois, dependendo das alterações, pode ser necessário fazer uma cirurgia ortognática.

Voltando aos aparelhos ortodônticos, atualmente existem várias opções deles, não sendo mais necessário utilizar os braquetes metálicos. Há modelos estéticos que ficam imperceptíveis e quase invisíveis na boca, proporcionando um tratamento muito mais discreto e confortável. Entenda melhor como funcionam esses diferentes aparelhos.

Tradicionais

Os aparelhos tradicionais são aqueles mais populares, feitos em metal. Seus braquetes são colados nos dentes e o ortodontista utiliza recursos como arcos, elásticos e molas para promover a tração da dentição, estimulando suas movimentações.

Existem, também, os aparelhos metálicos móveis e os expansores. Nesse último caso, eles são indicados quando há necessidade de aumentar a arcada dentária se ela for estreita demais. Também trabalhamos o palato (céu da boca), ganhando um pouco mais de estrutura óssea.

A única desvantagem dos aparelhos tradicionais é o fato de ficarem mais evidentes no sorriso. De toda forma, sua eficácia é indiscutível e eles podem ser utilizados tanto para o tratamento de casos mais sutis quanto aqueles de grande complexidade.

Estéticos

Os aparelhos estéticos são confeccionados em materiais que têm uma tonalidade semelhante a do esmalte dentário, ou são translúcidos e ficam praticamente invisíveis na boca. Assim, quando a pessoa sorri, não há um impacto expressivo na imagem, pois os braquetes são muito discretos.

Esses dispositivos fixos podem ser confeccionados em porcelana, safira ou policarbonato. No entanto, existem, também, aqueles feitos em metal. A diferença para os aparelhos tradicionais está no posicionamento dos braquetes.

Nesse caso, eles são colados na face interna dos dentes, ou seja, as peças ficam em contato com a língua. Por isso, esse aparelho ortodôntico é chamado de lingual. É uma boa opção para quem deseja um tratamento mais acessível e para aqueles que praticam atividades que oferecem risco de impacto na boca, o que poderia causar cortes por causa do aparelho.

Alinhadores invisíveis (Invisalign)

Quem deseja uma discrição ainda maior e mais conforto para tratar os dentes desalinhados tem nos alinhadores invisíveis a melhor opção. Esse tipo de aparelho é totalmente diferente dos demais, porque sua estrutura é semelhante a das moldeiras utilizadas para fazer clareamento dental.

Os alinhadores são confeccionados de forma personalizada e a cada duas semanas é feita a troca deles. É dessa maneira que as movimentações dentárias são estimuladas, já que cada alinhador apresenta uma pequena diferença em relação ao anterior. Assim, promovem uma pressão suave sobre a dentição.

Esse tipo de dispositivo é feito em material transparente que modela os dentes e não provoca atrito na mucosa bucal. Ele pode ser retirado da boca para se alimentar e na hora da higienização. Portanto, é muito mais prático, apresentando uma excelente funcionalidade e ótima estética.

Facetas de porcelana

Quando os dentes desalinhados não apresentam um problema muito grave é possível corrigir a posição deles com as facetas de porcelana. Elas são laminados protéticos muito finos com poucos milímetros de espessura e apresentam o formato do dente que se pretende tratar, fazendo alteração de características como tonalidade, formato e tamanho.

Sua instalação é feita por meio de colagem sobre o esmalte dentário, realizando pequenos desgastes nele, quando necessário, para que haja o encaixe perfeito. Essa é uma solução muito rápida, mas não recomendada para todos os tipos de problemas ortodônticos. Afinal, quando há uma alteração estrutural muito expressiva, somente por meio das movimentações conseguimos alinhar as arcadas. De toda forma, as facetas são uma opção para tratar essas alterações estéticas mais discretas.

Não se esqueça que os dentes desalinhados provocam prejuízos estéticos, para a saúde bucal e orgânica, portanto, precisam ser corrigidos. Na Clínica e Ianara Pinho você encontra todas essas opções de tratamento e ainda outros procedimentos para valorizar ainda mais o seu sorriso, todos realizados por profissionais capacitados e experientes!

Gostou das dicas? Então assine a nossa newsletter para podermos enviar mais informações interessantes diretamente para o seu e-mail!

Leia também:

Disfunção da Articulação Temporomandibular: saiba o que é e como tratar


Deixe uma resposta


Leia Também

Clareamento ou lente de contato: qual é a melhor opção?

Você está na dúvida entre o clareamento ou lente de contato dental? Leia o artigo e saiba quando é indicado cada um desses tratamentos.

Mancha no dente pode ser Cárie? Saiba identificar

Mancha no dente pode ser cárie? Manchas escuras podem significar desde pequenos problemas até problemas mais graves. Leia mais!

Como usar Fio Dental corretamente? Dentista explica o passo a passo

O fio dental é um recurso de limpeza dos dentes essencial ao processo de higiene bucal, mas muita gente negligencia o seu uso. Saiba mais!

Diferenciais

Sala de Repouso

Descanso pós-cirúrgico com acompanhamento do especialista.

Sala Cirúrgica para Sedação

Centro Cirúrgico Completo e habilitado para sedação inalatória, medicamentosa e endovenosa.

Brinquedoteca

Ambiente preparado para seu filho(a) enquanto você realiza seu tratamento.

Recepção Ampla

Recepção ampla com espaço para os adultos e crianças!

All in one

Oferecemos uma variedade de exames de radiologia sem a necessidade de deslocamento.

9 Consultórios

9 consultórios equipados com a melhor tecnologia e mais de 20 profissionais.

Radiologia Integrada

Todo o seu tratamento odontológico em um só lugar, desde a consulta ao exame radiológico.

Diferenciais